• Floripa (48) 97400 1200
  • Itajaí (47) 99284 0967

Blog

IAvatar Gabriel Walter Fuchsberger

por

Olá! Eu sou o Gabriel, um dos redatores aqui do Blog da Escola Técnica Geração. Espero que você curta esse conteúdo. Boa leitura. Aproveito para deixar um convite para você baixar alguns materiais gratuitos. ;)

Abra seu próprio negócio na área de Segurança do Trabalho

Você já deve ter ouvido falar que o Brasil é um país empreendedor. Mas você tem noção da verdadeira dimensão disso? Pois saiba que, em 2020, o Brasil ultrapassou a marca de 10 milhões de Microempreendedores Individuais (MEIs)! Isso nos torna o país com o maior número de empreendedores individuais do mundo. 

Entre as razões para abrir o próprio negócio, de acordo com diversas pesquisas realizadas, estão as oportunidades de mercado percebidas pelos empreendedores, a escassez de emprego, contribuir para um mundo melhor, a ambição de construir uma grande riqueza ou obter uma renda muito alta e dar continuidade a uma tradição familiar. 

O Mapa das Empresas, ferramenta do governo federal que disponibiliza informações mensais sobre o procedimento de registro de empresas, também indica crescimento da abertura das empresas em boletim divulgado no mês de setembro deste ano. 

Sendo assim, se você é Técnico em Segurança do Trabalho, atente-se! Com a taxa de abertura de empresas em ascensão, o profissional da área da Segurança do Trabalho encontra um caminho próspero pela frente. Isso porque muitas empresas necessitam desse profissional para regularizarem os seus serviços.

Já pensou em virar seu próprio chefe?

Contudo, saiba que empreender não é uma tarefa fácil. Ela requer, entre outras competências e habilidades: motivação, criatividade, senso de responsabilidade, capacidade de assumir riscos, visão de futuro e bom networking e comunicação. 

No entanto, grandes tarefas também trazem excelentes recompensas: liberdade para impulsionar as próprias ideias, comandar a própria equipe e usufruir dos lucros do seu próprio negócio são sonhos capazes de serem realizados. 

Se você ficou interessado em abrir seu próprio negócio na área de Segurança do Trabalho e quer saber mais informações sobre como fazer isso, continue a leitura do post que preparamos para você! 🤓

Por que abrir um negócio na área de Segurança do Trabalho?

Se você tem perfil empreendedor e possui conhecimento na área de Segurança do Trabalho, abrir o seu próprio negócio é uma excelente opção. Quer saber por quê? 🤔

Autonomia

Quando você tem uma empresa, você é o seu próprio chefe e tem liberdade para fazer seus horários de trabalho. Assim, é mais fácil organizar a sua rotina para conseguir conciliar compromissos profissionais e pessoais. Essa é uma grande vantagem que boa parte dos profissionais gostaria de ter.

Lembre-se, todavia, de que você é o responsável pelo negócio. Por essa razão, terá muitas responsabilidades e trabalhará bastante. Deverá, dessa forma, separar várias horas por dia para o serviço. Contudo, é melhor trabalhar para um negócio que é seu do que para outra pessoa, certo? 💼

Liberdade para escolher sua equipe

Sendo você o responsável pelas contratações do negócio, você terá liberdade para escolher sua equipe de trabalho. Apesar disso, é essencial que você escolha os profissionais de acordo com suas capacidades e características. Você deve contratar pessoas que vão auxiliar sua empresa a crescer e escolher profissionais qualificados em detrimento de amigos e pessoas de seu convívio social. 

Dessa forma, prefira profissionais que tenham capacitação na área, saibam trabalhar em equipe, sejam responsáveis, etc. Se achar melhor, no começo, você também pode optar por trabalhar sozinho. 📈

Possibilidade de colocar ideias em prática

Em um negócio próprio, você é capaz de colocar em prática suas ideias, o que seria mais difícil se você fosse apenas um colaborador em uma empresa. Isso acontece porque sua responsabilidade é bem maior. Apesar de essa ser uma vantagem, lembre-se de estudar bastante antes de colocar qualquer ideia em prática!

Além disso, um grande benefício de ter o seu negócio é que você estará construindo algo que é seu. Sendo assim, você terá um patrimônio e, se gerir bem o seu negócio, as possibilidades de crescer e ganhar mais dinheiro serão altas. 🤑

Potencial de crescimento muito promissor

Com o processo de retomada da abertura de empresas, o mercado necessita se adequar à legislação vigente no que tange à Segurança do Trabalho. Dessa maneira, abrir o seu negócio na área de Segurança do Trabalho pode requerer mais esforços no início porém, se você se destacar na execução dos seus serviços e for reconhecido por isso, o crescimento é certo! ⚡

Posso abrir meu negócio sendo Técnico em Segurança do Trabalho?

Sim! E a nossa principal recomendação é que você invista muito nos seus estudos para que possa trabalhar com consultorias.

Isso porque existem 36 Normas Reguladoras – orientações padronizadas sobre procedimentos obrigatórios relacionados à segurança e à medicina do trabalho. Elas visam à promoção e à garantia da integridade da saúde física e psíquica dos trabalhadores de uma empresa. A ordem é prevenir acidentes! E você pode transformar o conhecimento adquirido sobre elas em uma oportunidade de ganhar dinheiro!

Existem empresas em que a legislação não tornou obrigatório estabelecer SESMT (Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho) próprio. Assim, assessorias/consultorias podem ser solicitadas pelos responsáveis desses estabelecimentos. Até mesmo empresas que contam com SESMT, mas não possuem determinado conhecimento técnico na equipe podem contratar Técnicos em Segurança do Trabalho para oferecer esse tipo de suporte.

Apenas para você ter uma ideia de como o conhecimento das NRs é importante, se você deseja abrir o próprio negócio na área de Segurança do Trabalho e oferecer consultorias, confira as seguintes:

– NR 9.3.1.1 A elaboração, implementação, acompanhamento e avaliação do PPRA poderão ser feitas pelo Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho – SESMT ou por pessoa ou equipe de pessoas que, a critério do empregador, sejam capazes de desenvolver o disposto nesta NR.

– NR 35.3.6 O treinamento (de trabalho em altura) deve ser ministrado por instrutores com comprovada proficiência no assunto, sob a responsabilidade de profissional qualificado em segurança no trabalho.

Interessante, não é mesmo? 

É importante você saber que, se desejar trabalhar sozinho, não será possível elaborar laudos. Segundo a Lei 8213/91 Art. 58 Inciso 1 e NR 15 item 15.4.1.1, essa emissão só pode ser feita por um Engenheiro ou Médico do Trabalho. Por isso, buscar fazer parcerias com esses profissionais é uma excelente ideia!

Enquanto Técnico em Segurança do Trabalho, você também pode abrir seu negócio na área de vendas de EPIs. O comércio vem apresentando um crescimento considerável e, se você souber que a propaganda é a alma do negócio, seu faturamento chegará a cifras de arregalar os olhos! 👷

Como abrir um negócio na área de Segurança do Trabalho com pouco dinheiro?

Muitos acreditam que, para criar uma empresa, é necessário ter bastante dinheiro. Trata-se, no entanto, de algo que não é verdade. Vamos mostrar, a seguir, uma opção super econômica para você abrir seu negócio na área de Segurança do Trabalho! 

Uma excelente alternativa para quem deseja abrir o próprio negócio na área de Segurança do Trabalho é tornar-se MEI (Microempreendedor Individual). Trata-se de um regime tributário simplificado criado em 2006 visando à formalização de profissionais que trabalhavam de maneira informal e por conta própria.

No caso de optar por ser Instrutor de Segurança do Trabalho, ministrando cursos e treinamentos, por exemplo, o profissional consegue se formalizar enquanto Instrutor de Cursos Gerenciais Independente (atividade prevista na Classificação Nacional de Atividades Econômicas – CNAE sob o número 8599-6/04). 📜

Como ser MEI

Uma ótima opção para abrir o próprio negócio é tornar-se MEI (Microempreendedor Individual). De acordo com informações disponibilizadas pelo Governo Federal, a inscrição do MEI é realizada diretamente no Portal do Empreendedor de forma eletrônica e gratuita, por meio de um processo simplificado e desburocratizado. Você pode conferir mais informações clicando no link destacado acima.

Essa alternativa é interessante, pois o custo mensal com tributações é baixo (valor aproximado de R$ 59,00), e você ainda consegue aproveitar os benefícios do INSS, como aposentadoria e auxílio-doença. 

Contudo, para ser MEI, é necessário enquadrar-se em algumas exigências. São elas:

  • Contratar apenas um colaborador (com salário mínimo ou piso salarial da categoria);
  • Não ser sócio, titular ou administrador de outra empresa;
  • Ter um faturamento anual de até R$ 81.000,00 (média de R$6750 por mês).

Então, é importante checar todas as exigências e analisar se essa é a melhor opção você. 📝

Serviços para oferecer ao mercado

Enquanto profissional da área de Segurança do Trabalho, existem diversos serviços que você pode oferecer ao mercado. A sua consultoria será muito valiosa se você tiver os conhecimentos necessários. Confira alguns deles:

  • Elaboração do PPRA;
  • Elaboração do PCMSO;
  • Elaboração do LTCAT;
  • Elaboração da AET;
  • Elaboração de PPRPS;
  • Elaboração do Laudo de Insalubridade;
  • Implementação e Treinamento da CIPA;
  • Realização de auditorias;
  • Elaboração e Implementação da PROERGO;
  • Levantamento de Aspectos e Impactos Ambientais – LAIA;
  • Treinamentos sobre os mais variados temas.

Dicas para que seu negócio na área de Segurança do Trabalho dê lucro de verdade

Para que o seu negócio na área de Segurança do Trabalho seja lucrativo, você precisa seguir alguns passos. Confira, agora, 5 dicas para garantir que sua empresa seja bem-sucedida! 💰

1. Participe de ações do Sebrae

O Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) oferece vários cursos e consultorias para empreendedores iniciantes. Dessa forma, a instituição auxilia na capacitação e no desenvolvimento do negócio de cada um dos participantes.

Assim, essa instituição pode ajudar você a tirar do papel o seu negócio na área de Segurança do Trabalho e concretizá-lo da melhor forma possível. Procure o Sebrae em sua cidade e estruture a sua empresa da maneira correta! 👩‍💼

2. Analise opções de financiamentos

Depois de estruturar seu negócio, caso não tenha dinheiro suficiente para montá-lo, você precisará de um financiamento. Mas, antes de pedir um, confira quanto será preciso solicitar para começar a sua empresa e mantê-la funcionando até você ter caixa para pagar as suas operações.

Em seguida, pesquise os tipos de financiamento existentes, como de bancos, fintechs, cooperativas e linhas de crédito. Analise-os bem e veja qual é o mais interessante para você e para seu negócio. 🏦

3. Contrate um contador

Ter um contador é fundamental para qualquer empreendedor que deseje ver seu negócio sair do papel e crescer. Esse profissional pode auxiliar você a compreender se o MEI é uma boa opção no seu caso, com a parte legal e o controle financeiro da empresa. Por isso, contratar um contador é uma das primeiras atividades que você deve realizar ao montar o seu negócio. 💲

4. Faça uma boa gestão financeira

Depois de abrir um negócio na área de Segurança do Trabalho, você precisa continuar planejando suas contas para que não tenha problemas no futuro. Lembre-se de contabilizar todos os custos da empresa, ficar com as contas em dia e nunca misturar sua conta empresarial com a pessoal. Ou seja, retirar dinheiro da empresa para resolver questões pessoais ou vice-versa. Esse tipo de comportamento não deve ser adotado em hipótese alguma, visando a manutenção da saúde financeira da sua empresa.

Essas ações devem ser evitadas também porque podem prejudicar a prestação de contas junto à Receita Federal e, assim, causar problemas para você e seu contador. 🦁

5. Faça parcerias

Outra dica importante para iniciar bem o seu negócio é fazer parcerias. Procure entrar em contato com outros colegas da mesma área que a sua, para que falem sobre trabalho e troquem experiências. Afinal, um colega seu pode ser especialista em determinada área e você em outra. Assim, você aumenta o seu alcance, o que é ótimo para qualquer empreendedor que está começando um negócio! Não deixe de divulgar os seus serviços para os empresários da região.👥

E aí, gostou das nossas dicas sobre como abrir seu próprio negócio na área de Segurança do Trabalho? Se você tem mais alguma a compartilhar com os nossos leitores, comente abaixo! 😉

Curso Técnico em Segurança do TrabalhoCurso Técnico em Segurança do Trabalho

👷‍♂️ Sobre o Curso Técnico em Segurança do Trabalho

O Ensino Técnico, de modo geral, oferece cursos de rápida duração, com mensalidades acessíveis e conteúdo prático voltado às necessidade do mercado de trabalho.

O Curso Técnico de Segurança do Trabalho capacita profissionais para elaborar e implementar políticas de saúde e segurança em empresas dos mais variados segmentos de atuação. Os profissionais formados nessa área podem atuar em diversas instituições públicas ou privadas, porém as melhores oportunidades estão na construção civil, em mineradoras, na agroindústria, em centros de distribuição e em todo o setor industrial e hospitalar.

Os profissionais formados na Escola Técnica Geração têm maior aceitação no mercado de trabalho, fruto do prestígio alcançado pela instituição em seus 20 anos de atuação em Santa Catarina. Além disso, seus alunos ainda contam com sistema de encaminhamento profissional, através da Central de Estágio e dos convênios com empresas parceiras.

Mais detalhes do Curso

Parabéns
Em breve você receberá com exclusividade nossas publicações e materiais de estudos.
Ocorreu um erro ao enviar o formulário
Preencha o captcha corretamente
Informe o seu nome.
Informe o seu e-mail.

Contato

Conheça nossas Unidades

Florianópolis
Rua Felipe Schmidt, 291, Centro.
(48) 3223.1800
(48) 97400.1200
Itajaí
Rua Felipe Schmidt, 480, Centro.
(47) 3346.3300
(47) 99284.0967