• Floripa (48) 97400 1200
  • Itajaí (47) 99284 0967

Blog

IAvatar Fernando Barcellos

por

Olá! Eu sou o Fernando, Analista de Marketing Digital da Escola Técnica Geração. Espero que você curta esse conteúdo. Boa leitura. Aproveito para deixar um convite para você baixar alguns materiais gratuitos. ;)

Mercado de trabalho para técnico em Segurança do Trabalho

Com um Técnico em Segurança do Trabalho no quadro de colaboradores, uma empresa consegue melhorar as condições de trabalho dos profissionais, evitar acidentes de trabalho e ainda aprimorar sua imagem no mercado.

Por isso, o Técnico em Segurança do Trabalho é valorizado por diversos negócios, principalmente por aqueles que realizam atividades consideradas perigosas, como o setor industrial ou de construção civil.

Se você ainda não sabe qual carreira seguir, a de Técnico em Segurança do Trabalho pode ser uma boa ideia, já que é uma profissão em alta. Contudo, antes de se decidir, é essencial que você veja se ela combina com o seu perfil. Além disso, vale a pena conferir como está exatamente o mercado de trabalho para Técnico em Segurança do Trabalho. 👷‍♀️

Pensando nisso, elaboramos esse post que vai esclarecer essas questões. Então, continue lendo e descubra se essa é a melhor carreira para você!

O que faz esse profissional?

O principal objetivo do Técnico em Segurança do Trabalho é evitar acidentes e garantir a proteção dos funcionários da empresa. Encontrar formas de melhorar a saúde e o bem-estar dos colaboradores também é obrigação do Técnico.

Sendo assim, algumas de suas principais funções são: analisar processos, identificar fatores de risco para poder aprimorar esses procedimentos, ensinar aos colaboradores como realizar as atividades necessárias com segurança e fiscalizar a prática dos processos para se certificar de que eles estão sendo feitos da forma correta. 

Como o Técnico lida diretamente com pessoas e é responsável pela segurança delas, esse profissional precisa ser muito cuidadoso, paciente, ter uma boa comunicação, saber trabalhar em equipe e até mesmo administrar conflitos, caso seja necessário.

É importante ressaltar que, além dessas características, o profissional da área precisa ter o Ensino Médio completo e a carteira de Técnico em Segurança do Trabalho para exercer a profissão. Para conseguir essa carteira, é preciso finalizar o curso Técnico em Segurança do Trabalho, que tem duração média de 22 meses. 🎓

Por que há uma alta demanda por Técnicos em Segurança do Trabalho?

Esses profissionais estão sendo bastante procurados pelas empresas porque eles são essenciais para garantir a segurança dos colaboradores e evitar acidentes. Entretanto, esses não são os únicos motivos responsáveis pelo aumento da demanda dos Técnicos em Segurança do Trabalho no mercado.

A procura também aumentou devido à Norma Regulamentadora número 4, ou simplesmente a NR4. De acordo com essa norma, uma equipe de Serviços Especializados em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (SESMT) precisa ser formada por esses profissionais:

  • Médico do trabalho;
  • Engenheiro de Segurança do Trabalho;
  • Enfermeiro do Trabalho;
  • Auxiliar de Enfermagem do Trabalho;
  • E pelo técnico em Segurança do Trabalho.

Conforme apresentado acima, a norma torna obrigatória a contratação dos Técnicos em Segurança do Trabalho. Essa legislação esclarece, ainda, que a quantidade desses profissionais na equipe vai depender do número de colaboradores da empresa e do nível de risco dos trabalhos realizados.

Ou melhor, caso uma empresa tenha muitos funcionários ou as tarefas tenham risco elevado de acidente, ela deverá contratar mais de um Técnico para garantir a proteção dos seus colaboradores. Esse é mais um dos motivos pelos quais o mercado de trabalho para Técnico em Segurança do Trabalho se mostra tão interessante. 👀

Como é o mercado de trabalho para Técnico em Segurança do Trabalho

O mercado de trabalho para Técnico em Segurança do Trabalho está tão aquecido que boa parte dos estudantes já termina o curso com um emprego garantido. Além disso, o profissional formado na área consegue trabalhar em vários setores, ou seja, tem diversas oportunidades de contratação.

Outro ponto importante e que incentiva as pessoas a seguirem essa carreira é o salário dos Técnicos em Segurança do Trabalho. Afinal, como esse profissional é bastante demandado pelo mercado, essa procura acima da média aumenta sua remuneração. 🤑

Área de atuação

Um dos principais motivos pelos quais o mercado de trabalho para Técnico em Segurança do Trabalho é tão interessante é a vasta área de atuação. Com a possibilidade de exercer a profissão em empresas de diversos setores, há uma quantidade grande de oportunidades no mercado e mais chances de contratação.

O Técnico pode atuar tanto em empresas privadas quanto públicas. Essas são algumas das áreas e instituições que costumam contratar esses profissionais:

  • Construção civil;
  • Indústrias;
  • Aeroportos;
  • Hospitais;
  • Instituições de ensino;
  • Comércio (atacadista ou varejista);
  • Comércios de pequeno porte;
  • Empresas de mineração ou extração de gás e petróleo;
  • Concessionárias.

Há, ainda, a possibilidade de empreender no ramo, com a abertura de uma empresa relacionada ao segmento de Segurança do Trabalho. Existe um campo amplo a ser explorado que varia entre lojas que oferecem equipamentos de proteção individual (EPIs) até consultorias e assessorias para atender a empresas e órgãos públicos.

Como você pode perceber, o campo de atuação é realmente muito vasto e essa é uma grande vantagem da profissão. Afinal, as chances de você não conseguir encontrar um emprego depois de formado são muito pequenas. 🏢

Média salarial

O Técnico em Segurança do Trabalho não tem um único piso salarial que seja válido para todo o território brasileiro. O salário de um profissional da área vai depender da cidade, do Estado e até do setor de atuação.

De acordo com o Guia de Profissões e Salários da Catho, a média salarial do Técnico é de R$ 2.645,47. Entretanto, esse valor pode mudar bastante conforme os itens listados acima. A própria página da Catho mostra que o setor de concessionárias e autopeças, por exemplo, costuma oferecer uma remuneração melhor do que o petroleiro ou de construção.

Em Florianópolis, por exemplo, um mercado que tem destaque é o da Construção Civil, por ser um segmento cada vez mais presente na região. A média para o Técnico em Segurança do Trabalho na capital de Santa Catarina é de R$2.482,97, segundo o site Salário.com.br.

No Estado de São Paulo, encontram-se as remunerações mais altas do Brasil. Um profissional que trabalha na área da indústria em SP, por exemplo, tem um piso salarial de aproximadamente R$ 3.360,00. Um Técnico contratado pelo setor de construção civil nesse mesmo Estado, por sua vez, tem um piso de cerca de R$ 3.485,00.

A experiência do profissional também é outro fator que faz diferença no salário. Um Técnico mais experiente pode chegar a ganhar até R$ 8.500,00, segundo o site Guia da Carreira. 💰

Esses dados mostram que o mercado de trabalho para Técnico em Segurança do Trabalho traz boas oportunidades para quem está pensando em seguir carreira na área. Afinal, como esse profissional é valorizado pelo mercado, ao escolher essa profissão, você poderá trabalhar em diferentes setores e ter uma boa remuneração.

Contudo, lembre-se de que, para ser bem-sucedido nessa área, você precisa se dedicar, ter paciência e se importar de verdade com o seu trabalho. Dessa forma, você será capaz de identificar riscos em procedimentos, melhorá-los e garantir a segurança dos colaboradores da empresa, além de evitar prejuízos.

Se você se interessou pelo mercado de trabalho para Técnico em Segurança do Trabalho e acredita que seu perfil combina com a profissão, que tal saber mais sobre esse curso? Entre em contato conosco e descubra detalhes sobre essa formação!

Curso Técnico em Segurança do TrabalhoCurso Técnico em Segurança do Trabalho

👷‍♂️ Sobre o Curso Técnico em Segurança do Trabalho

O Ensino Técnico, de modo geral, oferece cursos de rápida duração, com mensalidades acessíveis e conteúdo prático voltado às necessidade do mercado de trabalho.

O Curso Técnico de Segurança do Trabalho capacita profissionais para elaborar e implementar políticas de saúde e segurança em empresas dos mais variados segmentos de atuação. Os profissionais formados nessa área podem atuar em diversas instituições públicas ou privadas, porém as melhores oportunidades estão na construção civil, em mineradoras, na agroindústria, em centros de distribuição e em todo o setor industrial e hospitalar.

Os profissionais formados na Escola Técnica Geração têm maior aceitação no mercado de trabalho, fruto do prestígio alcançado pela instituição em seus 20 anos de atuação em Santa Catarina. Além disso, seus alunos ainda contam com sistema de encaminhamento profissional, através da Central de Estágio e dos convênios com empresas parceiras.

Mais detalhes do Curso

Parabéns
Em breve você receberá com exclusividade nossas publicações e materiais de estudos.
Ocorreu um erro ao enviar o formulário
Preencha o captcha corretamente
Informe o seu nome.
Informe o seu e-mail.

Contato

Conheça nossas Unidades

Florianópolis
Rua Felipe Schmidt, 291, Centro.
(48) 3223.1800
(48) 97400.1200
Itajaí
Rua Felipe Schmidt, 480, Centro.
(47) 3346.3300
(47) 99284.0967