• Floripa (48) 3223.1800
  • Itajaí (47) 3346.3300

Blog

IAvatar Gabriel Walter Fuchsberger

por

Olá! Eu sou o Gabriel, um dos redatores aqui do Blog da Escola Técnica Geração. Espero que você curta esse conteúdo. Boa leitura. Aproveito para deixar um convite para você baixar alguns materiais gratuitos. ;)

Mundo tem escassez de 6 milhões de profissionais de enfermagem em dez anos, diz OMS

Os profissionais da saúde sempre foram de suma importância para toda a sociedade, mas ganharam destaque especial a partir do início de 2020, quando o novo coronavírus provocou uma das pandemias mais alarmantes da história da humanidade. A Covid-19 chamou a atenção para a rotina desses profissionais, cuja carga de trabalho ficou ainda mais pesada para dar conta dos milhões de infectados ao redor do mundo. Entre os trabalhadores da área, merecem destaque os profissionais de enfermagem, que desempenham um papel decisivo para garantir os cuidados dos enfermos e o bem-estar da população em geral.

Entretanto, relatório publicado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em abril de 2020 preocupa: a escassez de profissionais de enfermagem já é uma realidade e tende a se agravar nos próximos dez anos.

Devido ao crescimento da população e ao aumento na parcela de idosos, o relatório afirma que, em dez anos, o mundo tem escassez de 6 milhões de profissionais de enfermagem.

Atualmente, o número de profissionais de enfermagem é de 27,9 milhões no mundo todo. A distribuição, no entanto, não corresponde à da população. Existe uma concentração superior a 80% dos enfermeiros em países que, juntos, não somam mais de 50% da população mundial. 🗺️

Quais são as regiões que mais sofrerão com a escassez de profissionais da enfermagem?

A resposta para essa pergunta é: guardadas as devidas proporções, o mundo inteiro deve sofrer com a escassez de profissionais de enfermagem. A carência será maior em países mais pobres, nos quais a falta de enfermeiros é estimada em 7,6 milhões daqui a dez anos. Contudo, os países mais desenvolvidos também precisarão lidar com esse problema: mesmo em 31 países ricos membros da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), 3,2 milhões de vagas a menos são previstas para 2030.

Os países mais desenvolvidos sentem cada vez mais as consequências do envelhecimento da população e da escassez de profissionais de enfermagem para ocupar as vagas daqueles que se aposentam: no mundo, 1 em cada 6 enfermeiros vai se aposentar nos próximos dez anos. 

Por exemplo: o Reino Unido, atualmente, já tem 108 mil vagas de enfermeiros abertas. Esse número cresce em 5.000 por ano. O Japão, por sua vez, abriu um programa de vistos que busca atrair 60 mil profissionais da área. A escassez de profissionais de enfermagem no país é estimada em 270 mil enfermeiros em cinco anos. Na Alemanha, também faltam profissionais de enfermagem para preencher as 36 mil vagas em aberto no momento. 👨‍⚕️

O que deverá ser feito quanto à escassez de profissionais de enfermagem?

As conclusões do levantamento, feito em 191 países, apontam que será necessário aumentar em 8% o número dos estudantes que se formam anualmente nas universidades. Além disso, é importante que se invista em melhores salários e  condições de trabalho a fim de atrair mais jovens para a enfermagem. Caso contrário, chegaremos a 2030 com apenas 36 milhões de enfermeiros. Estima-se, no entanto, que sejam necessários quase 42 milhões. 🤑

Como ingressar na área de enfermagem?

Conforme o exposto, é possível perceber que estudar para atuar como um profissional de enfermagem é uma excelente escolha, já que sobram vagas para esses profissionais ao redor do mundo todo. No Brasil, o cenário não é diferente: os hospitais têm enfrentado uma dificuldade cada vez maior para suprir essa demanda. Sendo assim, existem duas principais opções: fazer um Curso Técnico em Enfermagem ou um curso superior de mesmo nome. 

A Escola Técnica Geração é uma referência em Santa Catarina na formação de Técnicos em Enfermagem. Resumidamente, trata-se do profissional que trabalha em clínicas, hospitais, centros cirúrgicos e unidades de terapia intensiva, realizando serviços de média complexidade sob a supervisão de um enfermeiro. Ele é responsável por diversas tarefas, como cuidar de pacientes em estado grave, planejar a assistência de pacientes e garantir a segurança e higiene do local de trabalho.

É muito comum ingressar no Curso Técnico em Enfermagem e, caso desperte a vontade, aprimorar os conhecimentos ingressando no curso superior em seguida. Para saber a diferença entre o curso técnico e o superior em enfermagem, clique aqui e leia o nosso post sobre o tema! 👩‍🎓

E aí, gostou do nosso post sobre a escassez de profissionais de enfermagem? Comente abaixo e compartilhe com os amigos! 😉

Referência
Matéria na Folha de São Paulo

💉 Sobre o Curso Técnico em Enfermagem

O Ensino Técnico, de modo geral, oferece cursos de rápida duração, com mensalidades acessíveis e conteúdo prático voltado às necessidade do mercado de trabalho.

O Curso Técnico em Enfermagem é uma ótima escolha para quem deseja iniciar carreira na área da saúde, uma vez que esses profissionais são indispensáveis para as equipes médicas de qualquer instituição pública ou privada – hospitais, unidades de pronto-atendimento, clínicas e laboratórios, por exemplo. Esse profissional pode ainda trabalhar de forma autônoma, realizando atendimento domiciliar, uma demanda crescente no mercado.

Os profissionais formados na Escola Técnica Geração têm maior aceitação no mercado de trabalho, fruto do prestígio alcançado pela instituição em seus 20 anos de atuação em Santa Catarina. Além disso, seus alunos ainda contam com sistema de encaminhamento profissional, através da Central de Estágio e dos convênios com empresas parceiras.

Mais detalhes do Curso

Parabéns
Em breve você receberá com exclusividade nossas publicações e materiais de estudos.
Ocorreu um erro ao enviar o formulário
Preencha o captcha corretamente
Informe o seu nome.
Informe o seu e-mail.

Contato

Conheça nossas Unidades

Florianópolis
Rua Álvaro de Carvalho, 145, Centro.
(48) 3223.1800
(48) 97400-1200
Itajaí
Rua Felipe Schmidt, 480, Centro.
(47) 3346.3300
(48) 97400-1200